Chegou essa semana #34

1
COM


Essa promoção foi fantástica!!!! Fiz a festa!!! \o/

Tinha visto 'A maldição do tigre' na única livraria daqui, mas estava um absurdo de caro, daí eu olhei a sinopse e desisti de comprar. nem queria mesmo... =P
Então, meu super amigo Submarino resolveu me 'presentear' e quem veio no meio? Não sei se será dos meus favoritos, mas fiquei curiosa sim...

Consegui 'A marca de Atena' e a coleção 'Destino', além da continuação de 'Eu sou o número quatro', e nenhum deles saiu a mais de R$ 15,00. \o/

No mesmo dia chegou a coleção do Percy Jackson, que consegui por 56 dindins (com o frete incluso). 






Na mesma semana, que não foi bem essa, chegaram as Jackets da trilogia 'Estilhaça-me', cortesia da editora Novo Conceito. Lindaaaaaaas!!!!!! Amei!!!! Agora, só falta o livro 'Encendeia-me' para completar a trilogia. Ainda não conheço ninguém que prefira as primeiras capas lançadas pela editora, as novas ficaram excelentes!


Vou tentar me controlar até o fim do ano, que não está tão longe, porque a viagem pra Fortaleza já tá confirmada!!!!! Uuuuuhuuuuul!!!  \o/
Diminuir a saudade da mamy, do papy e do meu noninho, curtir a cidade que tanto amo com meu maridón, descansar a cabeça do INSS, e dar uma volta pela bienal de lá (sem tumultos, ok?).


Em breve, na minha estante! \o/ #35

3
COM

Eu acabei de ler o primeiro da série, e é uma delícia!!!!
Já tenho o segundo volume, e o desejo pelo terceiro já apareceu. Isso é ótimo, porque não tem nada mais triste para mim que me decepcionar com a série já no primeiro livro.

A história gira em torno de Olívia e dos gêmeos Cash e Nash (SUPER criativo.  ¬¬' ), mas a resenha acerca dos segredos e desejos deles ficarão para a resenha. Aqui, deixo minha vontade por ter este e a sinopse ok? =P



Sinopse:

Neste último volume, a rica e arrogante Marissa Towsend enfrenta um grande trauma. Após ser confundida com sua doce prima Olivia, ela acaba sendo sequestrada pelos mafiosos envolvidos pela tragédia dos Davenports. Ao ser resgatada, Marissa descobre que deve sua vida ao misterioso Nash, e ela não consegue afastá-lo do pensamento. Disposta a ajudá-lo a livrar o pai da pena por um crime que não cometeu, ela fará tudo o que estiver a seu alcance, inclusive mergulhar em um mundo de paixão, desejo e segredos, onde nada é o que parece e ao qual ela pode não sobreviver.

Livro 52 - Jogos Vorazes

1
COM

Porque eu fiquei tanto tempo com medo desse livro?? Ah é, pensei que seria algo cruel e sangrento como Jogos Mortais... ~.~'
Aí eu inventei de ler uma resenha em um blog, e vi que não tinha nada a ver... tá, é meio sangrento, mas isso não é o foco. Tem uma história super legal como ponto forte e várias críticas à sociedade. 

Então a curiosa aqui começou a sentir aquela coceira que sempre aparece quando um livro chama a atenção dela, e que só vai embora depois que ela compra o livro e lê. (Preciso achar os 'bichinhos' que fazem isso e mandá-los dar uma trégua, já que sou eu quem banca esse vício e 28 anos de vício acumulado sendo que só há dois anos consigo alimentá-lo está me levando à falência. Nota-se pelo tanto de 'Caixas de correios' no blog. =D)

Eu li a trilogia de uma vez, e que delícia de história!!!!!
Amei conhecer a Katniss, o Peeta, o Cinna, o Haymitch... 

Em Jogos Vorazes, conhecemos uma sociedade distópica no que hoje chamamos de Estados Unidos. O país passou a ser chamado de Panem e foi dividido em 13 distritos, controlados pela Capital. Cada distrito é responsável pela produção de um produto/serviço essencial a todos, sob um controle rígido e vivendo em condições precárias, mas ninguém pode questionar ou tentar mudar isso, ou a Capital agirá com toda sua potência a fim de reprimir esses atos. Após a rebelião do distrito 13, que resultou em sua aniquilação, a Capital criou os Jogos Vorazes, em que são sorteados dois tributos de cada distrito: duas pessoas (uma de cada sexo) que ficarão confinadas em um ambiente com os demais tributos e onde terão que lutar até a morte, restando apenas um sobrevivente vencedor.

Comecei o livro conhecendo a Katniss Everdeen, uma garota do Distrito 12 que burla as regras da Capital para tentar ajudar sua família a sobreviver. Conhecemos sua família, o carinho que tem pela irmã, a mágoa da mãe (que surtou depois da morte do pai da Katniss), Gale... e torcemos para que ela consiga uma vida melhor. Até que chega o dia da colheita, que é o dia em que são sorteados os tributos, e vemos a angústia das pessoas por não querer ir, e não querer que seus familiares e amigos vão também. 

Após os sustos e surpresas dos primeiros capítulos, entramos nos Jogos e conhecemos os demais tributos, as jogadas da Capital, as tramas dos governantes, a revolta guardada dentro de cada pessoa de Panem.

Nos Jogos Vorazes, achei fantástica a ideia da autora em colocar pessoas tão distintas na competição. Temos aqueles que treinam a vida inteira para isso, em contrapartida vemos Rue, uma menininha do Distrito 11 que ajuda a família, sendo a mais velha dos filhos, e que tem uma personalidade tão doce e inocente. Passeamos pelos capítulos do livro entrando nos Jogos, lutando contra alguns personagens, torcendo e sofrendo com outros, comemorando sucessos, chorando as perdas.

É um livro intenso, que faz você esquecer de tudo e se perguntar como seria se nossa sociedade chegasse a este ponto. Lembrando que vivemos em um país 'livre' de guerras e desastres de grandes proporções, mas há países em situações críticas, e não sei como é a realidade deles... mas o livro nos faz refletir e nos colocar na posição do outro.

Leiam o primeiro capítulo abaixo, conheçam um pouco desse mundo, despertem a curiosidade, e que a sorte esteja sempre a seu favor!


Sinopse
Mistura de ficção científica com reality show, passando pela mitologia e pela filosofia com muita ação e aventura, Jogos vorazes é o novo fenômeno da literatura jovem. Com um mote surpreendente, o livro, que está há mais de 85 semanas na lista de mais vendidos do The New York Times e de outras publicações de prestígio dos EUA, ganhou elogios de Rick Riordan, Stephenie Meyer e outros formadores de opinião e rendeu à autora Suzanne Collins lugar na badalada lista de 100 personalidades mais influentes do ano da revistaTime.
Ambientado num futuro sombrio, Jogos vorazes é pioneiro de uma tendência que vem ganhando força no mercado de best sellers juvenis: a dos romances distópicos e pós-apocalípticos. Primeiro volume de uma trilogia, o livro narra uma luta mortal encenada por crianças e transmitida ao vivo para todos os habitantes de uma nação construída sobre as ruínas de um lugar anteriormente conhecido como América do Norte. Com sua narrativa ágil e ousada, Jogos vorazes foi traduzido para mais de 30 idiomas e vem atraindo leitores de diversas faixas etárias.
Constituída por uma suntuosa Capital cercada de 12 distritos periféricos, a nação de Panem se ergueu após a destruição dos Estados Unidos. Como represália por um levante contra a capital, a cada ano os distritos são forçados a enviar um menino e uma menina entre 12 e 18 anos para participar dos Jogos Vorazes. As regras são simples: os 24 tributos, como são chamados os jovens, são levados a uma gigantesca arena e devem lutar entre si até só restar um sobrevivente. O vitorioso, além da glória, leva grandes vantagens para o seu distrito.
Quando Katniss Everdeen, de 16 anos, decide participar dos Jogos Vorazes para poupar a irmã mais nova, causando grande comoção no país, ela sabe que essa pode ser a sua sentença de morte. Mas a jovem usa toda a sua habilidade de caça e sobrevivência ao ar livre para se manter viva. As reviravoltas do jogo e as dificuldades enfrentadas pela protagonista levam os leitores a sofrer junto com ela, enquanto descobrem um pouco sobre seu passado e seu relacionamento com Peeta Mellark, o outro tributo enviado pelo Distrito 12 para lutar nos Jogos Vorazes.
Inspirada pelo mito grego de Teseu e o Minotauro e bebendo nas melhores fontes da ficção científica, Suzanne Collins faz uma dura crítica à sociedade do espetáculo atual e prende a atenção do leitor da primeira à última página com um romance envolvente e perturbador.


Características detalhadas
I.S.B.N.: 9788579800245
Altura: 20,7 cm.
Largura: 13,7 cm.
Profundidade: 1 cm.
Acabamento : Brochura
Edição : 1 / 2010
Idioma : Português
Número de Paginas : 400

Chegou essa semana #33

2
COM



Essa me deixou pulando de alegria!

Eu achei que 'Métrica' e 'Pausa' fossem livros só de poesias ou coisas assim, e odeio isso, mas não é! Tem uma história!!! \o/
(Por isso resolvi comprar)

"O lado mais sombrio" estava me atraindo há dias, eu vi tanta gente falando bem, e achei a capa tão linda... mas achei que a editora fosse colocar mais efeitos nela, ou texturas, sei lá. Fiquei meio frustrada quando ele chegou e vi que era uma capa simples mesmo, linda, mas simples. A história parece beeeem legal!

"Cretino irresistível" e "Estranho irresistível" são dois que acredito ser daqueles que não vai me deixar largá-los enquanto não terminar de ler. Já emprestei pra uma amiga, antes mesmo de ler, e ela se apaixonou!!!!!

Por último, aproveitei a bagaça pra comprar "O filho de Netuno", para quem mora longe, aproveitar promoções e um frete mais barato fazem diferença. ^^

Preciso falar que consegui todos por um preço beeeem pequeno? Espero sempre as promoções, meu bolso merece né?

Programação da XXIII Bienal do Livro de São Paulo

1
COM


Tudo bem, eu não vou esse ano, mas muuuuuita gente vai! ^^
Para quem ainda não viu, aqui está o Guia de Programação Cultural na íntegra da 23º Bienal do Livro de São Paulo:





Você pode baixar o arquivo no próprio ISSUU, ou instalar o aplicativo no seu tablet ou celular (Android ou Iphone): Google Play | App Store

Divirtam-se, aproveitem, leiam muuuito, controlem-se em suas aquisições (ou não), pesquisem preços nas livrarias virtuais antes de ir, e sejam felizes!!!!!

Livros que abandonei

3
COM

Isso é triste, eu sei, mas acontece com todo mundo e comigo não foi diferente...

Ainda bem que não foram tantos, consigo contar em uma mão (até agora) os livros que comecei e não consegui passar do terceiro capítulo. Isso acontece por inúmeros motivos, seja pela chatice do livro mesmo, ou pela minha falta de 'clima' para aquele tipo de leitura no momento. Pretendo tentar novamente, em um futuro distante.

Estipular uma meta de leitura é bom nessas horas, se não fosse a meta do Skoob, eu não teria concluído 'Depois dos quinze', nem 'A menina que não sabia ler'... os dois são chatos demais!!! (não me batam!)


'Bela Maldade' foi daqueles livros que comprei no início porque estava em promoção, e tinha visto um ou dois comentários positivos em relação a ele. Não faz meu estilo. Não meeeesmo!!!
Acho que esse não volto a ler... achei a história esquisita demais, e nada nela me atraiu. Quem sabe mudo de opinião? Quem sabe algumas resenhas comentando o que vem pela frente me despertam novamente para ele?? (Se conseguir trocá-lo, ficarei super feliz!!!)





'Quinta Avenida nº 1' só é grande demais para o que propõe. Comecei a ler, mas a autora não soube prender minha atenção para continuar... vários personagens, e só. E parece que eu já comecei no meio da conversa, que fiquei aérea e resolvi parar. Mas esse pretendo continuar, já ouvi falar muito bem da autora e quando comprei o livro foi por ficar curiosa mesmo. ^^ 
Só preciso esperar o clima certo, e me preparar para o tanto de personagens sem me perder.


Esse foi outro que parei e não sei se volto 'um dia'. O livro é bem elogiado, tem filme e tudo mais, mas passei das primeiras páginas sem muito entusiasmo... me deu sono e fiquei esperando acontecer algo que me atraísse... não aconteceu, e o livro ficou de lado. Acho que vou tentar ver o filme primeiro, quem sabe não empolgo com o livro depois?

 E na época achei que ia amar, quando soube que a Anne Hathaway era a atriz que interpretou a protagonista, já que gosto demais dos filmes dela. Não deu. =/



'O estranho mundo de Zofia e outras histórias' foi um livro que recebi emprestado de uma prima do maridón, mas devia suspeitar do gosto dela... (para quem vive o anime que assiste, não tem o parafuso no lugar. E é porque eu AMO animes.  ¬¬')

Se ler 'O mundo de Sofia' foi puxado, ler uma paródia foi totalmente sem noção. Não consegui passar nem das primeiras páginas, nem lembro mais o que o livro tentou fazer... só sei que ele ficou empacado aqui até ela vir pegar de volta. Mas achei fofo demais da parte dela lembrar de mim e me emprestar algo que gostou. Por isso é tão importante respeitar o gosto de cada um, pode ser que você ame esse livro, mesmo não sendo sem noção ok? =D



Nooooossa! Esse me surpreendeu! Achei que ia devorar o livro rapidinho!!!

Fiquei com medo, e parei.
Não gosto muito de suspense/terror, e quando o menino topa com o cara lá, do nada, e sente aqueles negócios esquisitos... uuuui!
Resultado: Mais um livro que não fluiu, que travou e estou criando coragem para tentar destravar. A história parece legal...





Você já travou em algum livro a ponto de abandoná-lo?
Conseguiu ler algum desses até o fim? O que achou??

Bodas de algodão

1
COM



Dois anos. E se me contassem que viveríamos tudo isso, eu não acreditaria que seria comigo... é muito mais do que sonhei. ^^

Nunca vi duas pessoas com uma sintonia tão perfeita (ignora o relógio do sono tá?), que gostam tanto de ficar curtindo um ao outro, só pelo fato de estar perto. A gente se conheceu por necessidade, e eu tenho que agradecer ao pessoal que fez do Flat um sistema tão cheio de problemas e travas, graças ao péssimo funcionamento dele pudemos viver uma história e continuar a escrevê-la até hoje. Você me conquistou com sua personalidade tão doce e atenciosa, mandando músicas tão lindas, conversando comigo sobre Naruto bem na época em que eu acompanhava o anime pela primeira vez, mostrando seu lado família e seus valores... e a amizade foi ficando forte demais, eu queria conhecer mais dessa pessoa que estava tão longe, fiquei curiosa em ver que existia uma pessoa que me entendia e com quem era tão gostoso falar.

E os dias passaram, e falar apenas durante o trabalho já não era suficiente, e a gente começou a sentir saudades demais para esperar a segunda-feira chegar (nunca foi tão gostoso ir pro trabalho!!! kkkkkkkkkk ). Então, a TIM inventa de colocar uma promoção em que as pessoas poderiam ligar interurbano pagando só o primeiro minuto, era Deus nos unindo e permitindo que nossa história surgisse. Ficar ao telefone com você o dia inteiro era pouco, meu melhor amigo, aquele com quem eu queria compartilhar cada segundo, que me fazia sorrir e que sorria comigo. ^^

E passaram mais dias, semanas, e ser só amiga estava ficando pouco. Eu pensava como tinham sorte as pessoas que moravam e trabalhavam perto de você, nas ligações em que ouvia aquela bagunça que eram os fins de semana com a família e amigos, morria de inveja querendo estar no lugar delas. Mas era longe demais né? Não tinha como dar em nada... então você também queria, e meu coraçãozinho começou a pular como um doido... #~.~# 
Como a gente ia fazer? Nenhum dos dois tinha noção... sua vida era em Palmas, a minha em Fortaleza, nenhum cogitava uma mudança tão drástica. Resolvemos confiar no nosso amado Deus, que se fosse para acontecer, Ele nos mostraria o caminho. E, como sempre, Ele fez melhor do que poderíamos pedir. Então veio a mudança, e Fortaleza passou a ser um lugar onde eu passaria as férias. A saudade da família me acompanha até hoje, e você se desesperou tantas vezes pensando que estava me fazendo mal ficar tão longe deles, que não merecia isso tudo... mas a gente tem que lutar pelos nossos sonhos né? E o meu estava em Palmas, com vc e com os concursos que viriam. E nossos dias foram de sorrisos (hoje a gente ri do palhaço né? kkkkkkkkkkkkk ). Ficamos tão pouco tempo lá, mas foram dias tão incríveis... Palmas é um cantinho nosso até hoje.

Mas nossa vaga não estava lá, e trabalhar no setor privado não era pra gente, não da forma como estava... com um salário que mal dava pra pagar o aluguel e tanta humilhação. Se fosse pra ter stress, que ao menos recebêssemos um bom pagamento. E os dois loucos, agora juntos, decidem mudar de novo. Fomos para Rubiataba, e um looooongo ano nos esperava. Que luta!!! Mas a gente estava pertinho, eu podia ver seu sorriso todos os dias, e tentar te fazer sorrir... e vc se preocupando o tempo todo comigo, fazendo o melhor que podia para me fazer feliz... e vc fez, e faz. ^^

Nosso aniversário de namoro foi quase sem nenhum centavo, mas a gente teve um dia lindo, e a lembrancinha está até hoje tocando musiquinhas no nosso guarda roupa (pra não pegar poeira). Não foi fácil, mas em toda a luta eu sempre pensei no que aconteceria a nós dois, não existia mais cada um separadamente. Resolvemos confiar em Deus novamente, e Ele nos presenteou com a vaga em Itapuranga. Comemoramos juntos, descansamos, e mais uma mudança veio. Resolvemos oficializar nossa união perante os homens, e guardar a festa com Deus e os familiares para quando tivéssemos uma condição melhor. 

E lá se vão dois anos...

Viajamos muito, sorrimos, nos divertimos, choramos, lutamos, nos decepcionamos, comemoramos, assistimos Dragon Ball, um monte de filmes, choramos sorrindo mais, comemos um monte de delícias, corremos para a academia pra queimar as gorduras dessas delícias, atiramos flechas, lemos, sorrimos com o Yuki ciscando na terra e com a Jade aprendendo a pular, fotografamos, voamos, acampamos, fomos à casa do nosso sempre presente Deus, agradecemos a Ele por viver tudo isso e pedimos que nos permita viver muito mais. Sempre na primeira pessoa do plural.

E em um futuro, que não sei quanto tempo durará, esperamos ter um pedacinho nosso nesse mundo, que Deus faça a vontade dEle, e que se possível, nos permita gerar essa vida. ^^
Sei que virão mais mudanças, mas vida de cigano é assim mesmo, até a gente encontrar nosso cantinho precisamos continuar tentando. Que delícia poder acompanhar você em todas essas mudanças, porque agora a sua costelinha não se perde mais tá? Grudei!!!!! =P
Até lá, quero sorrir com você todos os dias até ficar velhinha, quero ter a honra de continuar vendo suas dancinhas criativas, sendo sua única expectadora, quero continuar vivendo os momentos que são tão nossos, com muuuuito carinho, amor, admiração, paz, e lágrimas e sorrisos!

Eu amo você, maridón, tenho muito orgulho de ter sido escolhida para estar nessa história ao seu lado!   

Ainda bem que essa letra não se aplica, porque ninguém está pensando em ir a lugar nenhum sozinho, mas essa foi a primeira música que você me mandou e que fez meus olhinhos brilharem, me fazendo prestar mais atenção em você lá no comecinho, então, obrigada por ela!


365 Days

0
COM

Tem coisa melhor que encontrar sua metade nesse mundão gigante?
#301

#302

Que saudade da Clark e do Will!!!! #ComoEuEraAntesdeVocê
#303

Pq tem gente que sabe ser feio. kkkkkkkkkk
#304

Presente mais que perfeito do maridón que eu tanto amo!!! ♥
#305

Isso se chama VÍCIO
#306

Namorando meu Kindle
#307

#308

E a minha sogra sabe como escolher um presente pra nora! kkkkkkkkkk
#309

Mais que desejados...
#310

Dia das mães comemorado em grande estilo
#311

#312

#313

Nada como abrir a caixa e ver esses mundos tão incríveis em páginas, e tê-los ao meu alcance!
#314

Momento para aprender um pouco mais sobre Deus
#315

Chegou essa semana #32

5
COM



Que sensação gostosa essa de receber livros né?

Consegui comprar a coleção 'Encantadas' por menos de R$ 30,00!
São lindos!!!!!

E mais um da Rachel Gibson, espero gostar do estilo dela... ^^

Livro 51 - O Chamado do Cuco

2
COM
Consegui minha edição capa dura! =D (saiu mais barato que a edição normal... )

Confesso que esperava menos desse livro... ~.~'
Minha experiência com a autora foi de longa data, li o primeiro livro de Harry Potter quando ninguém que eu conhecia sabia da existência dele, e o filme ainda não havia sido lançado, consegui o livro na Biblioteca Pública em Fortaleza (aquela perto do Dragão do Mar) quando ainda estava no ensino médio, na época do lançamento do livro no Brasil. Me apaixonei pela série e ela fez parte da minha vida por todos esses anos, tanto que todos os anos a gente esperava o lançamento do filme, e no ano em que eles terminaram, ficou aquela sensação estranha... 'não vai ter mais??'. Só que eu imaginei que a J.K. Rowling sofreria do mesmo problema de outros artistas que ficam presos em um sucesso, pois as pessoas criariam expectativas de algo que superasse Harry Potter (foi por isso que ela decidiu usar um outro nome?). Isso, para mim, foi ótimo porque resolvi ler 'O chamado do Cuco' achando que ela não conseguiria se sair tão bem em algo totalmente fora do seu padrão, mas a autora é mesmo boa. O livro é ótimo! E prendeu minha atenção com toda a força! (ao menos depois das 20 primeiras páginas)


Ele começa com uma morte, e um detetive sendo contactado para desvendar o caso pois, apesar da polícia acreditar ter sido suicídio, algumas pessoas creem tratar-se de um assassinato. Comecei a gostar mais quando a autora introduziu uma personagem que deveria ficar temporariamente nesse meio e que passou a gostar e se dedicar mais no decorrer das páginas, ela foi o ponto forte! O entrosamento que ela e o detetive demonstraram como equipe foi lindo!


Cormoran Strike é o detetive, personagem principal da história, ele já teve fases melhores e foi mais um ponto a favor do livro, não temos aquele herói padrão que se sai bem em tudo, ele é bom no que faz, mas não teve muito sucesso em algumas situações e isso custou muito a ele.

Robin Ellacott é a temporária que trabalhará como assistente do Strike por uma semana, e que fez toda a diferença no livro da J.K. ( ^^ ) Conhecemos uma parte do mundo dela, com seu noivo, seus planos e sonhos, sua linha de raciocínio, seu esforço e dedicação, sua preocupação e empolgação... amei!!!



Strike fica encarregado de investigar a morte de Lula Landry, uma modelo famosa que tem uma família problemática. Em toda a história, entramos no universo da modelo, seus familiares, problemas, transtornos, amigos, pessoas excêntricas, exposição, vícios, intrigas, e vários fatores fazem o leitor formar milhares de teorias que poderiam ser a base para um assassinato. Foi divertido tentar descobrir o que havia acontecido e me surpreender nas páginas seguintes. 

A editora caprichou no livro, a capa e as páginas tem uma qualidade incríveis, achei a diagramação ótima, a leitura não foi cansativa e minha vista não reclamou. Recomendo demais!!! E já estou com meu exemplar de 'Morte Súbita' esperando para ser lido, agora que conheci esse outro lado da autora, quero muito mais! Confiram a sinopse e o primeiro capítulo abaixo ok?


Sinopse

Quando uma modelo problemática cai para a morte de uma varanda coberta de neve, presume-se que ela tenha cometido suicídio. No entanto, seu irmão tem suas dúvidas e decide chamar o detetive particular Cormoran Strike para investigar o caso.
Strike é um veterano de guerra, ferido física e psicologicamente, e sua vida está em desordem. O caso lhe garante uma sobrevida financeira, mas tem um custo pessoal: quanto mais ele mergulha no mundo complexo da jovem modelo, mais sombrias ficam as coisas e mais perto do perigo ele chega.
Um emocionante mistério mergulhado na atmosfera de Londres, das abafadas ruas de Mayfair e bares clandestinos do East End para a agitação do Soho. O chamado do Cuco é um livro maravilhoso. Apresentando Cormoran Strike, este é um romance policial clássico na tradição de P.D. James e Ruth Rendell, e marca o início de uma série única de mistérios.

 


Características detalhadas
Editora: Rocco
Autor: Robert Galbreith (J.K. Rowlling)
I.S.B.N.: 9788532528735
Altura: 23 cm.
Largura: 16 cm.
Profundidade: 1 cm.
Acabamento : Brochura
Edição : 1 / 2013
Idioma : Português
Número de Paginas : 448
Tradutor : Ryta Vinagre